BDBComp
Parceria:
SBC
Aplicando Agentes Inteligentes Preditivos na Rede Experimental Giga

Carlos Hairon R. GonçalvesWelsinner Gomes de BritoNídia Gloria S. CamposRossana M. C. AndradeAntônio Mauro B. de Oliveira

Um dos problemas que limita o uso do protocolo GMPLS (Generalized Multiprotocol Label Switching) em enlaces DWDM (Dense Wavelength Division Multiplexing) é sua forma lenta de re-roteamento em caso de falha do enlace. Uma solução para este problema é o uso de mecanismos de proteção 1:n (um enlace de backup para n enlaces principais) ou 1+1 (um enlace de backup para cada enlace principal). Este artigo apresenta agentes inteligentes preditivos, denominados agentes FARO, aplicados a falhas e inferência de tráfego em enlaces da rede óptica experimental Giga. Os resultados deste trabalho mostram que o uso desses agentes pode aproximar o mecanismo de proteção 1:n do mecanismo 1+1. Além disso, os agentes FARO são de nível autonômico preditivo e permitem também cross-layer entre a camada física e a camada de aplicação.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wgrs/2008/009.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Biblioteca Digital Brasileira de Computação - Contato: bdbcomp@lbd.dcc.ufmg.br
     Mantida por:
LBD