BDBComp
Parceria:
SBC
Uma Arquitetura para Ecossistema de Software Científico

Vitor FreitasJosé Maria N. DavidRegina BragaFernanda Campos

A concepção de workflows científicos é uma abordagem utilizada nocontexto de e-Science. Existem muitas pesquisas voltadas para ogerenciamento e execução de experimentos baseados em workflows. Noentanto, experimentos complexos envolvem interações entre pesquisadoresgeograficamente distribuídos, demandando utilização de grandes volumes dedados, serviços e recursos computacionais distribuídos. Este cenáriocategoriza um ecossistema de experimentação científica. Para conduzirexperimentos neste contexto, cientistas precisam de uma arquitetura flexível, extensível e escalável. Durante o processo de experimentação, informações valiosas podem ser perdidas e oportunidades de reutilização de recursos e serviços desperdiçadas, caso a arquitetura de ecossistema para e-Science não considere estes aspectos. Com o objetivo de tratar a extensibilidade de plataformas de ecossistemas, este trabalho apresenta uma arquitetura orientada a serviços apoiada por uma rede ponto a ponto, desenvolvida para tratar as etapas do ciclo de vida de um experimento científico. Este trabalho apresenta como contribuições uma arquitetura para ecossistemas de software científico, a implementação desta arquitetura, bem como a sua avaliação.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wdes/2015/006.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Biblioteca Digital Brasileira de Computação - Contato: bdbcomp@lbd.dcc.ufmg.br
     Mantida por:
LBD