BDBComp
Parceria:
SBC
Modelo de Memória Reconfigurável para Sistemas Paralelos

Dulcinéia O. da PenhaHenrique C. de FreitasCarlos A. P. S. Martins

Arquiteturas paralelas atuais possuem modelo de memória único e estático. Entretanto, as cargas de trabalho de um sistema computacional possuem características distintas e às vezes até divergentes. Conseqüentemente, a escolha de um modelo de memória ideal é difícil e envolve custo, desempenho, disponibilidade, entre outros fatores. Neste trabalho, propomos um modelo de memória reconfigurável para sistemas computacionais paralelos chamado RMA (Reconfigurable Memory Access). Este modelo de memória visa flexibilidade e adaptabilidade na utilização de sistemas de memória de computadores paralelos. Para verificação e análise do modelo proposto, modelamos uma Rede de Petri para o modelo PRAM (Parallel Random Access Machine), uma para o MP-RAM (Message-Passing Random Access Machine) e outra para o RMA. Modelamos dois tipos de cargas de trabalho e simulamos em cada uma das Redes. Analisamos e comparamos os resultados, usando equações matemáticas (modelos analíticos). A partir dos resultados obtidos concluímos que a utilização do modelo RMA em sistemas paralelos proporciona uma melhor adequação do modelo de memória (espaço de endereçamento) do sistema ao modelo de acesso à memória de cada carga de trabalho. Além disso, traz ganho de desempenho na execução de cada aplicação e também ganho de desempenho médio do sistema.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wscad/2004/009.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Biblioteca Digital Brasileira de Computação - Contato: bdbcomp@lbd.dcc.ufmg.br
     Mantida por:
LBD