A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Fabrício BenevenutoBreno VitorinoBruno CoutinhoDorgival GuedesWagner Meira Jr.

Gathering information about Internet traffic profile is a key activity for thresholds for stratified sampling.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2006/st3_3.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Fabrício BenevenutoBreno VitorinoBruno CoutinhoDorgival GuedesWagner Meira Jr.

Gathering information about Internet traffic profile is a key activity for thresholds for stratified sampling.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2006/st3_3.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

II Workshop de TV Digital - Curitiba, PR, Brasil - 2006

In this paper we use the idea of Application Level Active Networks to implement an efficient and easily deployable solution for the distribution of e-commerce services using cache servers which can hold dynamic content. The resulting system is an application of the ALAN concept and framework to a real and complex application (an electronic bookstore that makes use of dynamic document caching schemes). Our experiments show that significant performance gains can be obtained by e-commerce sites that use this model, improving the scalability of the target service by distributing the load among the dynamic caches. Results show reductions of server CPU load by up to 64% and improvements of client perceived response time of up to 70% under heavy load.

Desafios no uso de prototipação em papel com PNEs para definição de interfaces de editor de documentos multimídia

Despite the recent trend for deploying QoS-based services, the Internet still offers only the best effort service. Therefore, non-elevated services have been proposed, offering low delay to some applications that can support a higher packet loss rate. There are currently some approaches for providing non-elevated services, yet they generally rely on complex mechanisms. In this paper we propose a simple mechanism based on a FIFO queue that allows setting different priorities for incoming and outgoing packets, called IOPQ (In/Out Priority Queue). IOPQ was evaluated through comparative simulations with DropTail and RED queues, showing some significant results. As preferências dos usuários são muito dinâmicas, uma vez que eles tendem a explorar uma vasta gama de informações e modificar seus gostos ao longo do tempo. Modelos existentes que capturam a evolução de preferências no domínio de músicas são muito restritos e não levam em conta a influência social. Este trabalho propõe uma análise sobre a evolução das preferências musicais dos usuários de uma rede social de músicas, utilizando redes temporais de similaridade. Como resultado, foi detectado que poucos usuários variam significativamente suas preferências. A tendência é que artistas e usuários semelhantes mantenham suas similaridades ao longo do tempo. Vinicius da R. MottaKarin S. KomatiJefferson O. Andrade

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/brasnam/2018/012.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Fabrício BenevenutoBreno VitorinoBruno CoutinhoDorgival GuedesWagner Meira Jr.

Gathering information about Internet traffic profile is a key activity for thresholds for stratified sampling.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2006/st3_3.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

II Workshop de TV Digital - Curitiba, PR, Brasil - 2006

In this paper we use the idea of Application Level Active Networks to implement an efficient and easily deployable solution for the distribution of e-commerce services using cache servers which can hold dynamic content. The resulting system is an application of the ALAN concept and framework to a real and complex application (an electronic bookstore that makes use of dynamic document caching schemes). Our experiments show that significant performance gains can be obtained by e-commerce sites that use this model, improving the scalability of the target service by distributing the load among the dynamic caches. Results show reductions of server CPU load by up to 64% and improvements of client perceived response time of up to 70% under heavy load.

Desafios no uso de prototipação em papel com PNEs para definição de interfaces de editor de documentos multimídia

Despite the recent trend for deploying QoS-based services, the Internet still offers only the best effort service. Therefore, non-elevated services have been proposed, offering low delay to some applications that can support a higher packet loss rate. There are currently some approaches for providing non-elevated services, yet they generally rely on complex mechanisms. In this paper we propose a simple mechanism based on a FIFO queue that allows setting different priorities for incoming and outgoing packets, called IOPQ (In/Out Priority Queue). IOPQ was evaluated through comparative simulations with DropTail and RED queues, showing some significant results. As preferências dos usuários são muito dinâmicas, uma vez que eles tendem a explorar uma vasta gama de informações e modificar seus gostos ao longo do tempo. Modelos existentes que capturam a evolução de preferências no domínio de músicas são muito restritos e não levam em conta a influência social. Este trabalho propõe uma análise sobre a evolução das preferências musicais dos usuários de uma rede social de músicas, utilizando redes temporais de similaridade. Como resultado, foi detectado que poucos usuários variam significativamente suas preferências. A tendência é que artistas e usuários semelhantes mantenham suas similaridades ao longo do tempo. Vinicius da R. MottaKarin S. KomatiJefferson O. Andrade

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/brasnam/2018/012.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wgrs/2006/st1_1.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Fabrício BenevenutoBreno VitorinoBruno CoutinhoDorgival GuedesWagner Meira Jr.

Gathering information about Internet traffic profile is a key activity for thresholds for stratified sampling.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2006/st3_3.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

II Workshop de TV Digital - Curitiba, PR, Brasil - 2006

In this paper we use the idea of Application Level Active Networks to implement an efficient and easily deployable solution for the distribution of e-commerce services using cache servers which can hold dynamic content. The resulting system is an application of the ALAN concept and framework to a real and complex application (an electronic bookstore that makes use of dynamic document caching schemes). Our experiments show that significant performance gains can be obtained by e-commerce sites that use this model, improving the scalability of the target service by distributing the load among the dynamic caches. Results show reductions of server CPU load by up to 64% and improvements of client perceived response time of up to 70% under heavy load.

Desafios no uso de prototipação em papel com PNEs para definição de interfaces de editor de documentos multimídia

Despite the recent trend for deploying QoS-based services, the Internet still offers only the best effort service. Therefore, non-elevated services have been proposed, offering low delay to some applications that can support a higher packet loss rate. There are currently some approaches for providing non-elevated services, yet they generally rely on complex mechanisms. In this paper we propose a simple mechanism based on a FIFO queue that allows setting different priorities for incoming and outgoing packets, called IOPQ (In/Out Priority Queue). IOPQ was evaluated through comparative simulations with DropTail and RED queues, showing some significant results. As preferências dos usuários são muito dinâmicas, uma vez que eles tendem a explorar uma vasta gama de informações e modificar seus gostos ao longo do tempo. Modelos existentes que capturam a evolução de preferências no domínio de músicas são muito restritos e não levam em conta a influência social. Este trabalho propõe uma análise sobre a evolução das preferências musicais dos usuários de uma rede social de músicas, utilizando redes temporais de similaridade. Como resultado, foi detectado que poucos usuários variam significativamente suas preferências. A tendência é que artistas e usuários semelhantes mantenham suas similaridades ao longo do tempo. Vinicius da R. MottaKarin S. KomatiJefferson O. Andrade

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/brasnam/2018/012.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wgrs/2006/st1_1.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Este artigo apresenta o Sensoriamento Overlay Seguro (SOS). O SOS constrói uma Rede Overlay (RO) sobre uma Rede de Sensor Sem Fio (RSSF). Ao estabelecer e monitorar rotas alternativas, o SOS e ? capaz de encontrar rotas mais seguras que as fornecidas pelo protocolo de roteamento padrão. Os resultados indicam que o SOS e ?: 1) eficaz no aumento da taxa de entrega de mensagens em redes sob ataques de negação de serviço e 2) eficiente em termos de consumo de energia. Ate ? onde sabemos, o SOS e ? o primeiro mecanismo de segurança baseado em ROs para RSSFs.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wei/2006/0026.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

A prática em laboratório é uma componente fundamental do ensino de redes de computadores. Os experimentos geralmente exigem a adequação da topologia da rede e o acesso privilegiado às configurações do sistema operacional de cada máquina, que impõe a disponibilidade de um laboratório específico e exclusivo. Esse problema pode ser contornado através do uso de máquinas virtuais, permitindo a cada aluno construir sua própria rede de computadores, com a topologia adequada para cada experimento, sem interferir com a estrutura física do laboratório e as atividades dos demais alunos. Este artigo apresenta algumas experiências no uso de máquinas virtuais para o ensino de aspectos avançados de redes de computadores, como IPSec, firewalls e serviços de rede, onde são destacados alguns pontos importantes que indicam os benefícios para a prática pedagógica.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2005/022.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Leonardo B. OliveiraAntonio A. F. LoureiroRicardo DahabHao Chi Wong

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtvd/2006/Paper4.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Distributed and scalable management is a key challenge for advanced and ubiquos service providing in the 3G/4G mobile wireless networks and in the current Internet. Policy-based Management (PBM) is a practical solution for dealing with the needs of those services, like autonomic configuration. However, existing PBM approaches are more suited to corporate networks and have significant limitations, such as scope of applicability and scalability. This paper investigates new management mechanisms for highly dynamic environments and proposes P4MI, an abstract PBM framework based on the peer-to-peer technology. Furthermore, it is also presented PBMAN, the instantiation of P4MI for Ambient Networks. Plataformas de streaming de música são cada vez mais populares, democratizando e facilitando o acesso ao conteúdo musical. Esse efeito amplia o alcance e a penetração de diferentes estilos musicais, incrementando a diversidade de gêneros escutados nos diferentes países do mundo. A fim de melhor entender essa diversidade e identificar países com interesses em comum, neste artigo foi construída e analisada uma rede complexa de artistas, gêneros musicais e países utilizando dados do Spotify, uma das plataformas de streaming de música mais utilizadas atualmente. Como resultados, além de identificar comunidades de países com estilos musicais semelhantes, nós mostramos como a grande quantidade e diversidade de gêneros musicais pode influenciar a modelagem e análise da rede considerada. Nós também classificamos os gêneros mais comumente escutados utilizando diferentes métricas de centralidade. Fabíola S. F. PereiraCláudio D. G. LinharesJean R. PoncianoJoão GamaSandra de AmoGina M. B. Oliveira

Ramide DantasCarlos KamienskiDênio MarizDjamel Sadok

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbseg/2009/041.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Fabrício BenevenutoBreno VitorinoBruno CoutinhoDorgival GuedesWagner Meira Jr.

Gathering information about Internet traffic profile is a key activity for thresholds for stratified sampling.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/sbrc/2006/st3_3.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

II Workshop de TV Digital - Curitiba, PR, Brasil - 2006

In this paper we use the idea of Application Level Active Networks to implement an efficient and easily deployable solution for the distribution of e-commerce services using cache servers which can hold dynamic content. The resulting system is an application of the ALAN concept and framework to a real and complex application (an electronic bookstore that makes use of dynamic document caching schemes). Our experiments show that significant performance gains can be obtained by e-commerce sites that use this model, improving the scalability of the target service by distributing the load among the dynamic caches. Results show reductions of server CPU load by up to 64% and improvements of client perceived response time of up to 70% under heavy load.

Desafios no uso de prototipação em papel com PNEs para definição de interfaces de editor de documentos multimídia

Despite the recent trend for deploying QoS-based services, the Internet still offers only the best effort service. Therefore, non-elevated services have been proposed, offering low delay to some applications that can support a higher packet loss rate. There are currently some approaches for providing non-elevated services, yet they generally rely on complex mechanisms. In this paper we propose a simple mechanism based on a FIFO queue that allows setting different priorities for incoming and outgoing packets, called IOPQ (In/Out Priority Queue). IOPQ was evaluated through comparative simulations with DropTail and RED queues, showing some significant results. As preferências dos usuários são muito dinâmicas, uma vez que eles tendem a explorar uma vasta gama de informações e modificar seus gostos ao longo do tempo. Modelos existentes que capturam a evolução de preferências no domínio de músicas são muito restritos e não levam em conta a influência social. Este trabalho propõe uma análise sobre a evolução das preferências musicais dos usuários de uma rede social de músicas, utilizando redes temporais de similaridade. Como resultado, foi detectado que poucos usuários variam significativamente suas preferências. A tendência é que artistas e usuários semelhantes mantenham suas similaridades ao longo do tempo. Vinicius da R. MottaKarin S. KomatiJefferson O. Andrade

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/brasnam/2018/012.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wgrs/2006/st1_1.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Este artigo apresenta o Sensoriamento Overlay Seguro (SOS). O SOS constrói uma Rede Overlay (RO) sobre uma Rede de Sensor Sem Fio (RSSF). Ao estabelecer e monitorar rotas alternativas, o SOS e ? capaz de encontrar rotas mais seguras que as fornecidas pelo protocolo de roteamento padrão. Os resultados indicam que o SOS e ?: 1) eficaz no aumento da taxa de entrega de mensagens em redes sob ataques de negação de serviço e 2) eficiente em termos de consumo de energia. Ate ? onde sabemos, o SOS e ? o primeiro mecanismo de segurança baseado em ROs para RSSFs.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wei/2006/0026.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Visualização de Progressos de Otimização em Implementações para Alto Desempenho

Vitor H. L. MesquitaMichael M. D. HeoBruno S. Silva

Computação de alto desempenho ou High Performance Computing (HPC) refere-se ao uso de supercomputadores para realizar cálculos ou avaliações de sistemas de alta complexidade. Esses cálculos envolvem previsão do tempo, simulações de processos, projetos aeroespaciais entre outros. Um dos desafios nessa área refere-se à utilização de supercomputadores para encontrar um conjunto de parâmetros que otimize um determinado processo. Este trabalho apresenta uma visão geral da interface gráfica da ferramenta para otimização de sistemas de varredura paramétrica utilizando a experiência do usuário - WET.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/erad-sp/2016/018.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web