BDBComp
Parceria:
SBC
Correção de Deficiências no Acordo de Chaves de Mandt

Traducao Automatica e Estudos da Traducao: um conflito paradigmatico

Ronaldo T. Martins

Vilc Queupe RufinoRouto Terada

This paper addresses a theoretical analysis of the assumptions of Machine Translation current practices. It aims at comparing the research between two completely different paradigms: Machine Translation and the so-called Translation Studies. It is claimed that results from the Translation Studies, although not originally committed to formal(and hence machine tractable) approaches,should be taken as a part of the Machine Translation investigation, as to define a new program of research and development. Mandt e Tan propuseram um esquema eficiente para acordo de chaves sem certificados, baseando-se na intratabilidade do Problema Computacional de Diffie-Hellman. Apresentaram no mesmo trabalho uma versão estendida para utilização com diferentes autoridades de confiança. Neste artigo identificamos uma deficiência na versão estendida e apresentamos uma possível solução. Também sugerimos uma correção para outra vulnerabilidade já conhecida. Embora nossas soluções levam a um protocolo final com maior complexidade computacional, o resultado é útil para o desenvolvimento esquemas de acordos de chaves hierárquicos sem certificados (certificateless).

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/til/2003/008.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Biblioteca Digital Brasileira de Computação - Contato: bdbcomp@lbd.dcc.ufmg.br
     Mantida por:
LBD