BDBComp
Parceria:
SBC
Geração incremental de correspondências e mapeamentos entre ontologias

Controle de Acesso Auto-Organizável e Robusto Baseado em Nós Delegados para Redes Ad Hoc

Fernando Wagner Brito Hortêncio FilhoBernadette Farias LóscioJosé Antonio F. de Macedo

Natalia Castro FernandesOtto Carlos Muniz Bandeira Duarte

Dada a necessidade de integrar dados e serviços disponíveis atualmente na Web, surge a necessidade de se desenvolver aplicações que tenham a capacidade de lidar com dados provenientes de diversas fontes. Nesse contexto, sistemas de integração de dados são cada vez mais requisitados no intuito de prover uma visão unificada sobre essas várias fontes de dados. Para isso, são especificadas correspondências entre as fontes de dados (matching), que por sua vez auxiliam no desenvolvimento de mapeamentos que tornam os dados compatíveis entre as fontes e o esquema de integração (mappings). Tal esquema funcionará como uma interface de consulta para o usuário interagir com o sistema. Entretanto, a literatura aponta a especificação das correspondências como um dos principais gargalos no desenvolvimento de tais sistemas. Os algoritmos existentes para resolver tal problema possuem natureza heurística, podendo estes produzir resultados não-satisfatórios. Tal problema se intensifica quando se lida com um grande número de fontes. Paralelo a este cenário, ontologias cada vez mais tem sido adotadas no intuito de especificar o domínio das fontes de dados ou até mesmo esquemas de integração. O objetivo deste trabalho é propor uma abordagem para geração e refinamento incremental de correspondências entre ontologias. Tal abordagem levará em consideração o feedback do usuário para a geração e o refinamento de tais correspondências. Ao final será gerado um protótipo, bem como um conjunto de métodos e métricas no intuito de validar a abordagem desenvolvida. This paper proposes a new mechanism to authenticate and monitor nodes in ad hoc networks (AMORA) that carries out access control without the need for a central administration entity. AMORA uses delegation chains to specify in a distributive way which users can access the network and it proposes the use of delegate nodes to issue certificates and to monitor nodes, avoiding malicious nodes from remaining on the network. Besides, AMORA treats efficiently network initialization and partitions. The results of the analysis shows that the mechanism is robust to Sybil and Collusion attacks and that it reduces the monitoring control load in each node in comparison with other mechanisms.

http://www.lbd.dcc.ufmg.br/colecoes/wtdbd/2010/sbbd_wtd_03.pdf

Caso o link acima esteja inválido, faça uma busca pelo texto completo na Web: Buscar na Web

Biblioteca Digital Brasileira de Computação - Contato: bdbcomp@lbd.dcc.ufmg.br
     Mantida por:
LBD